Posts

Formare IP celebra o “Dia Nacional do Voluntariado”

O Dia Nacional do Voluntariado é celebrado dia 28 de agosto. Em celebração à data, os alunos do Formare organizaram e prestaram uma homenagem a todos os voluntários do programa.

No evento, os voluntários foram convidados para celebrar o dia com um café da tarde e os alunos aproveitaram para fazer os agradecimentos por meio de mensagens, músicas e apresentações.

A homenagem reforça a importância do trabalho voluntário para a IP, que por meio de programas e projetos, realiza ações sociais e comunitárias. O trabalho dos Educadores Voluntários, junto com as equipes de Responsabilidade Social, é executar atividades educacionais com os alunos do Formare por 9 meses.

O programa já capacitou mais de 400 jovens desde 2010. Só neste ano, 174 profissionais decidiram compartilhar seus conhecimentos com os alunos para a edição de 2017. A significativa adesão ao projeto mostra o comprometimento e o engajamento da International Paper com o voluntariado.

Histórico da data – No dia 28 de agosto de 1985, foi instituído o Dia Nacional do Voluntário por meio da Lei Nº 7.352. No Brasil, os trabalhos voluntários surgiram em 1543 com um grupo de imigrantes portugueses instalados em São Vicente (SP). Eles recebiam aventureiros exaustos devido a longa viagem marítima, que haviam atravessado para alcançar novas terras. No início, era muito comum entidades de caráter voluntário estarem associadas às organizações religiosas e étnicas.

Outro marco histórico e muito conhecido pela população brasileira foi o início da Cruz Vermelha em 1908. A organização iniciou o movimento mundial de escotismo no país e trouxe como referência o voluntariado sem filiação partidária e sem fins lucrativos.

Em 1993, o trabalho voluntário se fortaleceu com a criação da Ação da Cidadania Contra a Fome e a Miséria e pela Vida. O movimento tem o propósito de sensibilizar e organizar a sociedade brasileira em busca por iniciativas de combate à fome.

Na última segunda-feira, 28 de agosto, o governo federal, em parceria com o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), lançou o “Viva Voluntário”, programa nacional de voluntariado que tem o objetivo de aumentar o engajamento dos brasileiros em atividades solidárias e transformadoras.

Alunos do Formare se apresentam em instituição de ensino superior

Convite feito por Educador Voluntário deu aos jovens a oportunidade de conversar com universitários

No dia 8 de junho, os alunos do Formare de Três Lagoas (MS) se apresentaram na 1º Semana Acadêmica, Cultural e Esportiva de Administração e Ciências Contábeis da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul. O evento, realizado no anfiteatro do Campus II da instituição, abordou temas sobre inovação, motivação e mercado de trabalho.

Os alunos foram convidados por Otávio Rodrigues, estudante de Administração de Empresas da UFMS e Educador Voluntário do Formare. “O evento precisava de algo incomum, que se diferenciasse dos projetos de startups dos universitários. Inicialmente, a minha ideia era levar os alunos para prestigiar as palestras, mas depois sugeri que eles tivessem uma participação mais efetiva na Semana Acadêmica”, explica.

Os estudantes do Formare fizeram uma apresentação sobre “A História das Startups”, seguindo o tema escolhido para os debates do dia. Foi a primeira vez que se apresentaram para uma quantidade maior de pessoas.

Para embasar o conteúdo que seria ministrado, Rodrigues conta que, no primeiro módulo do projeto, os assuntos abordados foram sobre “Relacionamento e Trabalho em Equipe”, com o intuito de orientá-los a respeito da postura e da comunicação verbal durante apresentações.

Os universitários acharam incrível a organização e a disposição que os alunos tiveram, incluindo conceitos novos sobre o tema. “Houve muita participação dos estudantes e os jovens do Formare conseguiram lidar muito bem com essas situações”, comenta Otávio.

Outros Educadores Voluntários puderam assistir à apresentação dos alunos e ficaram orgulhos com essa experiência. “Tivemos nossas expectativas superadas, visto que sempre depositamos uma confiança muito grande neles”, finaliza o EV.