“Papo Formare” aproxima os jovens de profissionais das áreas de Manufatura e Recursos Humanos

Em junho, os alunos conversaram com profissionais de diversas áreas da IP e puderam esclarecer suas dúvidas de carreira em um bate-papo aberto e descontraído.

Turma 2016 - Formare IP Luiz Antônio (SP)

Turma 2016 – Formare IP Luiz Antônio (SP)

Aproximar jovens que estão em um momento de decisão profissional de executivos experientes do mercado. Este é o conceito do “Papo Formare”, iniciativa do Instituto International Paper, que a cada mês reúne os alunos com os tutores do ciclo para que eles tenham a oportunidade de saber um pouco mais sobre as profissões, além das aulas e das visitas promovidas durante o curso.

No mês de junho, os alunos da unidade de Luiz Antonio tiveram a oportunidade de conversar com a Coordenadora de Excelência de Manufatura, Priscila Zahn, que é engenheira química e ingressou na IP pelo programa de Trainees em 2010, em Três Lagoas, e trabalhou na unidade até 2015, onde atuou como EV, antes de ocupar o atual cargo em Luiz Antônio.

Atualmente, Priscila é tutora no Formare e foi a primeira vez que participou de um bate-papo com os alunos da unidade. “Eles tinham muitas dúvidas sobre carreira e me perguntaram como fiz as minhas escolhas profissionais e se eu tinha me arrependido de alguma decisão”, conta ela, que se reuniu com os jovens no dia 6 de junho.

Além de Priscila, o Gerente de Recursos Humanos Thiago Bernabé, dividiu experiências com os alunos. Há cinco anos e meio na IP, Thiago trabalhou nas unidades de Mogi Guaçu, São Paulo, Três Lagoas e passou dez meses na Rússia, trabalhando para a IP em Svetogorsk, cidade que faz fronteira com a Finlândia.

De volta ao Brasil, trabalhou na unidade de Paulínia, antes de chegar em Luiz Antônio, onde está há quatro meses. “Os alunos ficaram muito curiosos para saber como fiz para conciliar a distância da família, uma vez que passei por todos estes lugares e precisei ficar longe da minha esposa”, diz. O bate-papo com os alunos abordou as renúncias que vêm com as escolhas. “Falei para eles que é preciso ter visão de longo prazo, entendendo que nossas escolhas devem ser feitas pensando em um bem maior e que no futuro essas escolhas farão sentido”, relata, explicando as razões de suas mudanças.

Para Priscila, os alunos perguntaram também sobre o programa 5S, que aborda a organização e a limpeza da área de trabalho, tema abordado durante as aulas do Formare. O encontro também falou sobre a dificuldade da escolha. “Eles queriam saber a minha opinião sobre desistir de uma área e trocar de curso na faculdade. Fiz questão de reforçar que eles precisam escolher algo que gostem, porque fazer algo que não gostem os fará infelizes”. Por isso, Priscila tranquilizou os alunos ao dizer que o mais importante é encontrar uma área que os motive e que não há nada de errado em mudar de opinião e trocar de curso. “É importante a gente se encontrar na profissão”, explica.

Thiago conta que ficou bastante surpreso com o interesse dos alunos pela área de Recursos Humanos e por isso, procurou um aluno tutorado que buscasse aprender mais sobre a área, para que pudesse contribuir com sua experiência. “Além de lidar com pessoas, o RH deve ser estratégico e trazer resultados para a companhia. É preciso ter uma visão de negócios para os melhores resultados”, explica ele, que considera muito boa a iniciativa do Papo Formare pelo fato de aproximar a realidade de mercado dos jovens alunos.

0 comentários

Deixe seu comentário

Quer participar da discussão?
Fique a vontade para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>