Luta contra comércio de animais silvestres marca o Dia Mundial do Meio Ambiente 2016

arara_azulAngola é o país sede das celebrações este ano e, assim como o Brasil, trava uma batalha contra o tráfico de animais, terceira maior atividade ilegal no mundo. 

Dia 5 de junho é celebrado o Dia Mundial do Meio Ambiente. A cada ano, o Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente, PNUMA, elege um país e um tema para centralizar as discussões. Este ano, a Angola trará a questão da luta contra o comércio ilegal de animais silvestres, um problema sério enfrentado pelo país, que teve uma população de elefantes dizimada por uma guerra civil que começou em 1975. Além disso, o país e todo o continente africano lutam contra o comércio ilegal de marfim e de chifre de rinoceronte, que ameaça a biodiversidade local.

No Brasil, os principais alvos do comércio ilegal de animais silvestres, segundo o Portal Brasil, do Governo Federal, são os psitacídeos (papagaios e periquitos), os passeriformes (passarinhos), rãs coloridas e venenosas, borboletas e primatas.

De acordo com o IBAMA, em 2015 foram resgatados mais de 20 mil animais silvestres e as maiores apreensões aconteceram no Nordeste brasileiro, nos estados do Ceará, Bahia e Rio Grande do Norte.

O tráfico de animais está entre maiores atividades ilegais no mundo e movimenta cerca de US$ 10 bilhões de acordo com uma pesquisa do Global Financial Integrity (GFI), um centro de estudos norte-americano. De acordo com o GFI, o tráfico de animais figura entre as cinco maiores práticas do crime organizado, ao lado de crimes como o narcotráfico, a falsificação, o tráfico humano e o comércio ilegal de petróleo.

No Brasil, estima-se que o comércio ilegal de animais silvestres movimente aproximadamente US$ 2,5 bi ao ano, de acordo com um estudo divulgado pelo Ibama. Este estudo posiciona o tráfico de animais na terceira posição entre as práticas ilegais mais rentáveis no mundo, atrás apenas do narcotráfico e do tráfico de armas, este último não é mencionado pelo levantamento do GFI.

Histórico da data – Criado em 1972, durante a conferência das Nações Unidas para o Meio Ambiente, realizada em Estocolmo, o Dia Mundial do Meio Ambiente é uma iniciativa que visa a chamar atenção dos governos e de demais membros da sociedade civil para a importância da preservação dos recursos naturais e para o cuidado com o equilíbrio ambiental em todo o mundo. Todos os anos, um tema é escolhido para debate.

A proteção e o melhoramento do meio ambiente humano é uma questão fundamental que afeta o bem-estar dos povos e o desenvolvimento econômico do mundo inteiro, um desejo urgente dos povos de todo o mundo e um dever de todos os governos. ”

(Declaração de Estocolmo sobre o ambiente humano – 1972)

Este post também está disponível em: Inglês