Alunos do Formare Luiz Antônio organizam Campanha do Agasalho para profissionais da unidade

shutterstock_130556993

Campanha interna arrecada peças até 1º de julho.  Doações beneficiarão Fundo de Solidariedade de Guatapará. Profissionais devem deixar as peças nos pontos de coleta

É hora de abrir o guarda-roupa e ver o que não serve mais, mas está em bom estado e pode ser doado. A Campanha do Agasalho 2016 já começou na unidade de Luiz Antônio e a meta para este ano é arrecadar o maior número de peças possível, em especial, cobertores e mantas, para serem doados às famílias inscritas no Fundo Social de Solidariedade de Guatapará.

Os alunos do Formare Luiz Antônio foram os responsáveis por toda a organização da campanha, sob a coordenação do Instituto International Paper. Os pontos de coleta estão localizados nas portarias 1 e 2, e as doações serão aceitas até o dia 1º de julho. Todas as roupas arrecadadas serão enviadas ao Fundo Social de Solidariedade do Município de Guatapará, a 50 km de Luiz Antônio.

O que doar?

– Casacos, camisas, agasalhos, moletons, camisetas, calças e outras peças adulto e infantil, além de calçados, mantas e cobertores em bom estado de conservação.

– Como escolher as peças?

Ao abrir o armário, selecione as roupas que já não usa mais ou aquelas que você quase não usa e avalie se realmente faz sentido mantê-las paradas no armário ou se as peças selecionadas seriam mais bem utilizadas se fossem para doação. Se você tem alguma roupa que não usa há mais de dois invernos, ou que não te serve mais, é hora de ajudar a quem precisa.

– Roupas Infantis

Criança cresce rápido e perde muita roupa. Faça uma limpeza no armário dos pequenos e retire das gavetas aquelas peças que ficaram pequenas e estão como novas. As crianças agradecem.

– Verifique as costuras

Ao separar roupas para doação, verifique se costuras estão firmes e se a peça não está puída. Dê uma olhada no acabamento dos cobertores e das mantas.

No ano passado, a Campanha do Agasalho arrecadou mais de 230 peças, beneficiando famílias carentes inscritas no Fundo Social de Solidariedade de São Simão/SP. Desta vez, o Fundo Social de Solidariedade de Guatapará foi escolhido para receber as doações. “Todos os anos, os alunos do Formare se engajam na organização da Campanha do Agasalho, reforçando a importância que o trabalho voluntário tem, não só para a IP, mas para toda a sociedade”, afirma Gláucia Faria, Gerente de Responsabilidade Social Corporativa e Sustentabilidade do Instituto International Paper. “Com pequenas ações, podemos ajudar a quem precisa. ”

0 comentários

Deixe seu comentário

Quer participar da discussão?
Fique a vontade para contribuir!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *